O ESCRITÓRIO

Lopes, Caetano e Grolli Advogados Associados é um escritório de advocacia baseado em São Luís / MA que atua nas esferas judiciais e administrativas do direito.

Defendemos os interesses dos nossos clientes nas áreas do direito tributário, família e concessões, agronegócio, societário, ambiental, administrativo e contratos públicos, relações de consumo, contencioso civil e empresarial, arbitragem e mediação trabalhista e criminal.

Nossa principal meta é a solução de conflitos, para tanto, dispomos de uma equipe de profissionais capacitados e qualificados, aptos a orientar e conduzir, com ética e responsabilidade, ao mais adequado procedimento para resolução do problema.

Atuamos de forma holística, multidisciplinar e ética, empregando toda a nossa expertise par cada demanda, proporcionando de forma rápida e eficaz a melhor solução para os interesses de nossos clientes.

MISSÃO

Ser a melhor banca jurídica do Brasil na solução e prevenção de problemas jurídicos de pessoas físicas e jurídicas.

VISÃO

Prestar serviços jurídicos de qualidade diferenciada, a fim de auxiliar os clientes a alcançar seus objetivos de forma eficaz e segura, através de advogados e colaboradores qualificados, valorizados e dedicados a alcançar e preservar o melhor resultado possível  para o cliente.

VALORES


BOA FÉ SEMPRE

O trabalho da banca de advogados e juristas do LCG Advogados é alicerçado na confiança entre as pessoas, com o eterno compromisso de manter as relações firmadas na maior transparência possível.


COMPROMISSO COM O RESULTADO MAIS SEGURO
O maior compromisso dos profissionais que atuam no LCG Advogados é com a segurança para o cliente.


LEALDADE E ENTUSIASMO

Cada caso é tratado como único e específico, merecendo total atenção, foco e dedicação da equipe de profissionais designada para o atendimento ao cliente.


RESPEITO E URBANIDADE
Para uma relação próspera e sadia com os clientes e a sociedade em geral, o trato respeitoso e urbano pelos profissionais do LCG Advogados é obrigatório e essencial.

“O homem necessita de segurança para conduzir, planificar e conformar autônoma e responsavelmente sua vida. Por isso, desde cedo se consideravam os princípios da segurança jurídica e da proteção da confiança como elementos constitutivos do Estado de direito”.

(J.J. Gomes, GANOTILHO)